4 cases de sucesso de Marketing Digital no mercado Imobiliário

O mercado imobiliário tende a ser instável, por isso, as ações de marketing são tão importantes para chamar atenção de potenciais clientes. Existem alguns cases de marketing digital que resultaram em muito sucesso para suas marcas e é sobre isso o nosso post de hoje!

Engajar o cliente é um dos principais fatores que levam à venda no contexto do mercado imobiliário. Apresentar o imóvel, sem dar um tratamento diferenciado ao interessado, não ajuda no engajamento dele, dificultando o fechamento do negócio.

Afinal, o que o cliente procura, em última análise, é saber dos prós e contras e ser convencido de que aquele empreendimento é o ideal para ele. No entanto, como se trata de um grande investimento para a maioria das pessoas é necessário que o processo de vendas ofereça segurança ao cliente.

É por isso, que os corretores de imóveis precisam saber engajar, se envolver com as ações de marketing individuais e coletivas, para o bem da própria empresa e a lucratividade dos negócios!

Consulta on-line

A grande vantagem de abrir um canal de comunicação e investir em campanhas segmentadas de marketing digital é que o consumidor pode realizar consultas on-line sobre empreendimentos, além de falar diretamente com o corretor ou imobiliária, sem precisar sair de casa.

Por meio de um site bem desenvolvido, é possível escolher os empreendimentos que mais o interessaram e agendar visitas, economizando tempo e conquistando uma busca eficiente.

O mundo virtual só tem a agregar ao mercado imobiliário, porque dá as rédeas ao consumidor. Claro que, para isso, é vital que haja engajamento e conquista constantes. O cliente deve ser guiado para o site e redes sociais da imobiliária. Sem contar que esta plataforma deve ser bem construída, favorecendo a experiência do usuário e facilitando a sua navegação.

Case 1: marketing de conteúdo que gera resultados

Localizada no Rio de Janeiro, na Zona Norte, temos um exemplo de imobiliária pequena que tinha como objetivo melhorar seu posicionamento no mercado, chamada Bertholini. Para isso investiu em marketing de conteúdo para que o público-alvo conhecesse mais sobre a empresa, os vendedores e a própria região.

A grande vantagem é que muitos clientes confiaram na empresa por ser pequena e mostrar credibilidade com os assuntos publicados. Isso porque ela apresentou uma estratégia de comunicação muito sólida, mandando e-mails, sendo ativa nas redes sociais e conseguindo, até mesmo, ampliar as vendas de imóveis via web.

Sites responsivos

Os pontos de atuação do marketing digital dentro do mercado imobiliário são muitos. A otimização de sites, usando a ferramenta SEO, é um deles. Os links patrocinados, a presença nas redes sociais para aumentar a visibilidade e a credibilidade, também são boas opções e podem ser utilizadas na atração e conquista do cliente.

Para que o cliente realize uma compra, é necessário que ele conheça a imobiliária e confie nela. Para que o empreendimento se torne referência no mercado, é preciso que ele tenha seriedade e comprometimento ao divulgar os seus produtos e que esses se adequem às necessidades dos consumidores de uma determinada região, por exemplo.

Case 2: sites como arma para aumentar lucro de imobiliária

Temos aqui um exemplo de como imobiliárias podem lucrar com uso de sites responsivos. Esse é o caso da Real Imóveis, cujo sucesso pode ser atribuído à utilização da ferramenta Google Analytics e Google AdWords, a fim de verificar quais conteúdos engajariam mais o seu público-alvo.

O segundo passo foi investir pesadamente na construção de um site inovador, que se preocupa com a experiência do usuário. Em seguida, foi necessário rever que tipo de conteúdo seria produzido e com qual frequência. Nesse momento, a imobiliária também investiu na presença digital nas redes sociais, principalmente, no YouTube, ganhando maior visibilidade com o público.

Landing pages, link building e todas as outras ferramentas vinculadas ao marketing digital foram utilizadas, fazendo o planejamento ser muito bem estruturado e compatível com a empresa.

Mobile

O mobile marketing também chama muita atenção no mercado imobiliário, devido ao crescente volume de acesso web realizado via dispositivos móveis. Logo, o website precisa ser responsivo, ou seja, compatível com exibição na tela do smartphone, dando mais mobilidade ao usuário e potencial cliente. Por isso, as ações voltadas diretamente para esse tipo de interação, devem ser bem pensadas.

Case 3: responsividade que ajuda a imobiliária a crescer

Sediada na cidade de Santa Maria, no Rio Grande do Sul, a imobiliária Taperinha tem mais de 40 anos de atuação no mercado imobiliário e, desde 2010, investe em marketing digital para alavancar não só suas vendas, mas também o seu alcance junto ao público-alvo.

A primeira ferramenta que Taperinha utilizou foi a construção de um site oficial da empresa, tendo um design prático que acompanhasse o perfil de seu consumidor, com foco em acessos via mobile. Funcionou bem: a constante atualização e o engajamento estavam sempre presentes. Criou-se um canal de comunicação no site também, oferecendo praticidade para o consumidor que deseja entrar em contato via atendimento on-line, por e-mail.

Com o investimento em marketing digital, a Imobiliária Taperinha conseguiu gerar 250 leads online por mês. Isso indica que o conteúdo publicado, além de ser interessante e relevante, guiou o leitor pelas suas preferências, apresentando imóveis conforme as suas necessidades, seja para a locação ou venda.

E-mail marketing

O e-mail marketing é outra estratégia bastante utilizada pelas imobiliárias e corretores, uma vez que oferece um canal prático, personalizado e pessoal. É possível fechar vendas com o e-mail ou, até mesmo, por meio de um tweet.

O importante é investir sabiamente no marketing digital, com planejamento, estratégias e foco. Tudo isso a fim de atrair o público e se manter na mente das pessoas, seja por conta das oportunidades oferecidas, ou pela atenção dada a cada cliente.

Case 4: e-mail marketing fazendo diferença à imobiliária

A Víncere Construtora é o típico exemplo. Além de contratar uma agência especializada em inbound marketing, decidiu investir no e-mail marketing. O primeiro passo foi qualificar os leads e contatos que já conheciam a empresa. Mesmo aqueles clientes que não demonstraram interesse, foram notificados novamente sobre cada novo empreendimento.

A construtora utilizou da automação de marketing para aprimorar seus resultados e começar a mandar e-mails cada vez mais interessantes aos leads, guiando-os até uma possível venda. O resultado foi excelente: muitos clientes fecharam negócio por e-mail!

Todos esses cases de marketing digital ao longo do post têm algo em comum: engajamento. As empresas perceberam o quanto é valioso conhecer o público, engajar e se envolver, trazendo conteúdo relevante sobre os empreendimentos e sobre a própria imobiliária. O motivo é simples: agrega confiança, credibilidade e seriedade.

O marketing digital é de extrema importância, porque ajuda a mensurar melhor os seus resultados e suas estratégias. Se você gostou do post sobre cases de marketing digital, assine a nossa newsletter e receba mais conteúdos como esse no seu e-mail!


Compartilhe com um amigo!