Riscos de NÃO ter seus dados na nuvem

Os últimos anos foram marcados por um grande aumento da quantidade de arquivos digitais utilizados pelas empresas de vários setores. Nesse cenário, ter uma boa política de dados é indispensável para garantir que a empresa esteja protegida contra qualquer tipo de problema que ela possa ter com os seus sistemas de armazenamento.

Para manterem-se protegidos, vários gestores de TI criaram políticas diversas de backups ao longo dos anos. Elas utilizaram diversas soluções para a criação de cópias rápidas dos dados mais importantes da empresa.

Atualmente, o backup na nuvem estabeleceu-se como uma das formas mais práticas e flexíveis para uma empresa manter os seus dados seguros. Portanto, pode-se dizer que há riscos de não ter seus dados na nuvem. Entenda:

A importância de ter dados na nuvem

Não possuir uma rotina de backups remotos é como guardar o dinheiro embaixo do colchão. Você pode até sentir-se seguro com o fato das suas receitas não estarem com terceiros, entretanto, o perigo ao qual você se submete é muito maior e os riscos de não ter seus dados na nuvem aumentam ainda mais.

Ainda que a sua empresa já tenha um método físico de realizar backups (como fitas magnéticas e HDs externos), é importante ter uma segunda solução para a cópia dos registros vitais para o funcionamento da empresa. O backup da nuvem, por exemplo, permite que companhias criem cópias dos seus registros em ambientes remotos seguros, com alta proteção contra falhas e escalabilidade.

Principais vantagens do cloud backup

A integração da nuvem nas estratégias empresariais traz uma série de vantagens para o departamento de TI. Gestores diminuem a sua carga de trabalho e passam a focar no aprimoramento de suas políticas locais. Além disso, projetos críticos podem ganhar uma dedicação maior de técnicos e analistas.

Como os modelos de negócio são mais flexíveis, a gestão financeira do setor passa a ser mais precisa, uma vez que o departamento pagará apenas pelo espaço de armazenamento utilizado.

Todo esse processo leva a uma simplificação do backup empresarial. Rotinas podem ser criadas para a criação de cópias automáticas, sempre utilizando registros detalhados em logs. Todas as cópias são criptografadas em nível militar, melhorando a proteção da empresa.

Backups podem ser restaurados remotamente, assim como os arquivos podem ser acessados em qualquer local do mundo (mediante política de aprovação). Dessa forma, gestores não precisarão estar presentes no ambiente corporativo para acessar snapshots ou acionar a restauração de um backup.

Garantindo mais segurança para a sua empresa

E como você mantém os seus dados salvos? Nos últimos anos, a tecnologia levou várias empresas a adotarem computadores como principal ferramenta de trabalho. Eles foram integrados às políticas operacionais de várias corporações — o que aumentou a necessidade de uma política de segurança de dados que fosse capaz de lidar com a importância que as informações digitais passaram a ter para as empresas.

É ai que entra o backup. Ele será responsável por garantir que todas as informações da corporação estejam seguras e possam ser recuperadas facilmente. Feito na nuvem, ele ainda traz consigo a vantagem de aumentar as opções de recuperação de dados da empresa.

Dados podem ser restaurados remotamente, tornando a recuperação dos registros mais simples e prática. Dessa forma, a sua empresa fica mais protegida contra falhas e ameaças digitais.

Gostou do nosso texto e agora pretende trabalhar com uma empresa de cloud backup? Saiba como escolher um serviço de backup na nuvem no nosso blog!


Compartilhe com um amigo!