SD-WAN: conceito, aplicações e tudo que você precisa saber sobre

Com tanto volume de informações, seja com clientes, filiais, fornecedores e entre as equipes da organização, as empresas precisam estar sempre conectadas entre seus setores. Por isso, é preciso ter infraestrutura ágil e segura e, diante disso, o SD-WAN tem sido escolhido em muitos cenários.

É de extrema importância ter boa estrutura para e-mails, conexão de dispositivos móveis, chamadas online, dados estruturados e não estruturados e muitos outras necessidades que surgem todos os dias nas organizações.

Você sabe o que é SD-WAN e como essa solução pode ser útil para seu negócio? Confira nosso artigo e fique por dentro desse importante tema!

O que é SD-WAN?

Com os avanços da tecnologia, as empresas buscam adotar novos aplicativos e formas de darem conta de suas demandas de trabalho, que exigem redes flexíveis, ágeis, baratas e configuráveis.

Até então, as soluções tradicionais tinham base nas redes WAN – Wide Area Networks, uma rede capaz de interconectar ambientes geograficamente distribuídos, porém, com tanta transformação digital, ela passa a não dar conta.

Com isso, surge a SD-WAN, uma solução importante nas organizações. O SD-WAN, ou Software-Defined Wide Area Network é uma alternativa para o problema de conectividade e gerenciamento de redes.

Gerenciar a WAN sempre foi um item caro e inflexível na operação de redes empresariais, porém a SD-WAN torna mais simples esse gerenciamento, melhorando o desempenho das redes.

Por meio de uma arquitetura computacional estruturada por hardware e software, ele consegue virtualizar todas as conexões WAN e oferece diferentes serviços, de acordo com as necessidades das organizações.

A SD-WAN consegue criar redes de longa distância, controlando-as e gerenciando-as em um só lugar. E, ao contrário das WAN tradicionais, a SD-WAN proporciona agilidade e redução de custos.

Para que ela funcione dessa forma, a SD-WAN cria uma rede híbrida de acordo com a aplicação em uso, sendo capaz de resolver automaticamente se o canal de transmissão de dados será o 4G, banda larga ou rede wi-fi.

SD-WAN e a TI

A arquitetura tradicional da WAN era limitada entre empresa, filial e data center. À medida que as empresas adoram serviços de aplicativos baseados na forma de SaaS/IaaS, a arquitetura WAN passa por um aumento de tráfego.

Com a SD-WAN, a TI pode fornecer roteamento, proteção contra ameaças, descarregamento eficiente de circuitos e simplificação do gerenciamento de redes WAN.

Confira algumas implicações do SD-WAN com a TI:

Experiência de aplicativos

  • Alta disponibilidade, com SLA previsível, em todos os aplicativos corporativos críticos;
  • Vários links ativos-ativos para todos os cenários de rede;
  • Tráfego de roteamento dinâmico para impulsionar a eficiência.

Segurança integrada

  • Políticas de reconhecimento de aplicativo com aplicação em tempo real, relacionadas a problemas de rede;
  • Proteção integrada contra ameaças;
  • Fluxo de tráfego seguro através da Internet de banda larga.

Nuvem otimizada

  • Ampliação de forma fácil a WAN para várias nuvens públicas;
  • Desempenho otimizado em tempo real para Office 365, Salesforce e outros aplicativos importantes de SaaS;
  • Fluxos de trabalho otimizados para plataformas em nuvem, como AWS e Azure.

Simplificação e segurança operacionais

  • Painel de gerenciamento único e centralizado para configuração e gerenciamento de WAN, nuvem e segurança;
  • Provisionamento automatizado e baseado em modelo para todos os locais;
  • Aplicativos detalhados e relatórios de desempenho de WAN para análise de negócios.

Quais os benefícios de utilizar SD-WAN?

O SD-WAN possui diversos benefícios quando comparados às soluções WAN tradicionais. Confira algumas coisas que ela pode fazer pelo seu negócio!

Diminui custos

Diminuir custos é, certamente, uma das grandes buscas e objetivos das empresas. E essa é uma das vantagens do uso da SD-WAN.

A alternativa tradicional – WAN – demanda grande alocação de recursos, enquanto a SD-WAN leva em conta o custo de cada tipo de transmissão, e aponta o momento ideal para cada uso de internet.

A SD-WAN também diminui custos de investimento em infraestrutura tecnológica, pois não demanda instalação de novos servidores e pode ser criada com o aproveitamento das redes WAN.

Maior desempenho e produtividade

A solução SD-WAN possibilita que o tráfego seja enviado de forma automática e dinâmica através do caminho mais adequado da WAN, com base nas condições de segurança e qualidade.

Dessa forma, otimiza-se os processos interligados e melhora-se significativamente o desempenho das aplicações e produtividade da equipe.

Qualifica os canais

A SD-WAN considera a qualidade da rede para transmissões em longa distância, podendo identificar, problemas de queda ou falhas de seguranças nas redes, direcionando então o tráfego para uma rede segura.

O objetivo disso é garantir a fluidez dos dados e a integridade das redes. Por isso, o programa considera cada canal e os qualifica, evitando sobrecargas e quedas nos sistemas.

Aumenta a segurança

A segurança de dados é uma preocupação constante em qualquer negócio, afinal, muitas informações são coletadas, armazenadas e com elas são feitos os controles dos processos internos.

Garantir a integridade desses dados, e seus acessos, deve ser requisito em qualquer solução de TI. E, nesse ponto, a SD-WAN não deixa nada a desejar.

A solução é acompanhada de recursos como firewalls e criptografia avançada para garantirem que os dados só sejam acessados por quem tem autorização.

A SD-WAN não demanda novos protocolos de segurança e autorização de redes tradicionais, podendo ser utilizados em redes balanceadas via software, preservando todos os investimentos já feitos em segurança.

Se adapta em etapas

Muitos gestores ainda hesitam antes de implementar novas tecnologias, seja pelo investimento necessário ou pelo tempo que se perde no período de transição, podendo gerar ruídos e, até mesmo, certos prejuízos internos.

A implementação da SD-WAN não precisa ser esse processo longo e dolorido, afinal, a solução pode ser inserida aos poucos para não causar grandes prejuízos à rotina de trabalho.

É flexível

A SD-WAN possui grande flexibilidade comparada a outros serviços, uma vez que pode ser configurada por vários links ao mesmo tempo e possui diversas tecnologias para serem aplicadas em diferentes necessidades e situações.

Através da SD-WAN, a área de abrangência se torna maior, afinal, se por acaso o link dedicado e MPLS não estiverem disponíveis na região, provavelmente os links ADSL e 3G/4G estarão.

Simplifica o controle e gerenciamento

Por ser gerenciada a partir de um único data center, a SD-WAN opera de forma mais assertiva.

Esse tipo de técnica garante performance e qualidade das conexões, dessa forma, a TI tem a capacidade de automatizar a implantação automática, usando uma única interface de gerenciamento.

Dá visibilidade nas aplicações

Mais uma vantagem da SD-WAN é que, através de suas possibilidades de configurações, ela oferece menor perda de pacote e atrasos, dando mais visibilidade nas aplicações e deixando as redes mais eficientes.

É auto gerenciável

A SD-WAN tem inteligência no controle de tráfego, ou seja, após configurada, a SD-WAN se torna auto gerenciável. Dessa forma, ela é capaz de monitorar a qualidade da WAN e, a partir dos resultados, tomar decisões sobre o fluxo de tráfego das aplicações.

Como implementar a SD-WAN na sua empresa?

Independente do tamanho do seu negócio, a SD-WAN pode ser implementada e dá benefícios reais, como citados anteriormente. Porém, como qualquer solução, alguns itens devem ser pensados antes de começar. Confira!

Realize um mapeamento interno

Primeiro, é preciso mapear a sua empresa e entender qual o seu objetivo no momento. Entenda como tudo está funcionando e questione suas forças e fraquezas junto à gestão de TI.

Pense onde você quer chegar, quais são as aplicações já utilizadas, qual o modelo de negócio praticado, quais são as políticas entre outros. Cada empresa tem um objetivo e, a partir dessa definição, é possível listar quais as ferramentas mais importantes para a contratação da SD-WAN.

Cheque a infraestrutura

Para utilizar a SD-WAN, não é preciso criar uma rede totalmente nova, afinal, a partir da estrutura já existente será possível implementar a SD-WAN de forma mais barata e prática.

É importante checar a infraestrutura de ponta a ponta e garantir que todos os componentes sejam compatíveis com a SD-WAN.

Faça testes antes da contratação

Para trabalhar com SD-WAN, é essencial contar com empresas especializadas no assunto, que poderão dar todo suporte possível para as organizações.

Antes de implantar a SD-WAN na sua empresa, é preciso fazer testes para ter certeza da funcionalidade em que se vai fazer o investimento. Simular é importante para saber o que a empresa realmente precisa.

Tenha como prioridade a segurança

A segurança precisa ser prioridade de qualquer empresa na hora de escolher uma estrutura de redes. Isso porque é na sua rede que estão as informações confidenciais que precisam ser protegidas de vírus e hackers.

Observe sempre os serviços de criptografia e firewall disponibilizados juntos às empresas que implementam SD-WAN.

Forneça treinamentos para as equipes

As equipes precisam estar alinhadas com as novidades tecnológicas adotadas dentro da empresa e, por isso, é ideal oferecer treinamentos, orientando e explicando as funcionalidades da SD-WAN.

Lembre-se também que a migração pode, e deve, ser feita aos poucos. Por isso, os gestores junto com as equipes precisam entender quais os melhores momentos para utilizar a infraestrutura.

Utilizar a SD-WAN traz inúmeros benefícios para as empresas e diversos profissionais de TI já começaram a utilizar essa tecnologia.

Se bem utilizada, com parceiros de alto nível, através da SD-WAN é possível manter um alto padrão de segurança, qualidade e latência.

É importante ressaltar que é preciso parcerias de alto nível para implementar e gerenciar todo o ambiente de SD-WAN no negócio para que ele seja utilizado da melhor forma possível.

Agora que você sabe mais sobre SD-WAN e sobre seus benefícios, aproveite para pensar se a solução já é válida para sua empresa e conheça um pouco mais sobre segurança cibernética.


Compartilhe com um amigo!